Medalha da Coroa Preciosa e fio com «charm». Ouro, turquesas e diamantes

O conjunto da medalha e fio da Coroa Preciosa de Nossa Senhora de Fátima celebra o centenário do fenómeno de Fátima, no qual a Casa Leitão teve desde cedo o privilégio de participar.

No ano de 1941, no decurso da Segunda Guerra Mundial, sendo Portugal um país neutral, um grupo de portugueses iniciou um movimento que culminou num peditório nacional para manufaturar uma coroa de rainha destinada a Nossa Senhora de Fátima. Pediam-se joias, não dinheiro, de forma a materializar a coroa diretamente com as dádivas de cada um.

Neste contexto, utilizando unicamente ouro, prata e pedras preciosas generosamente oferecidas, a Casa Leitão manufaturou graciosamente a Coroa de Nossa Senhora de Fátima, que constitui a mais notável obra de joalharia do século XX português.

Na Coroa Preciosa, ostentada apenas nas grandes celebrações, destaca-se o ouro, os brilhantes e as turquesas, materiais preciosos cuidadosamente selecionados para a medalha e fio, onde está esculpida a coroa manufaturada em 1942.

Leitão & Irmão tem agora a oportunidade de participar no centenário, celebrado nos cinco continentes, nas centenas e centenas de locais dedicados a Fátima espalhados pelo mundo, que dão a este fenómeno uma dimensão cultural.

Trabalharam na coroa 12 joalheiros e ourives, durante três meses, perfazendo um total de cerca de 6500 horas de trabalho.

Foram cravadas 2992 pedras preciosas, segundo desenho criado pela Casa Leitão, onde são destacadas oito hastes de ouro, o que corresponde, heraldicamente, a uma coroa de rainha.

Ficha técnica:

Medalha da Coroa Preciosa de Nossa Senhora de Fátima
Peso em ouro 800/100010gr*
Diamantes VS, G-H com peso de 0,50ct*34 unid.
Fio com «charm» Coroa Preciosa e turquesas
Peso em ouro 800/100010gr*
Turquesas – Ø 4mm, 3 ct*8 unid.

*Peso e dimensões aproximados